Tubulações Aparentes: como projetar e fotos para se inspirar

Atualizado: 3 de out.


Tubulações Aparentes
Tubulações Aparentes

Como já comentamos em outras publicações, uma das principais características dos nossos projetos é valorizar as propriedades que já existem no espaço onde estamos projetando.


Achamos interessante valorizar elementos como pilares, vigas e tijolos maciços, descascando a pintura e mostrando sua aparência rústica.


O que acaba por remeter ao estilo arquitetônico industrial, que surgiu nos anos cinquenta em Nova Iorque, quando moradores da cidade, devido à escassez de imóveis a preços acessíveis, transformaram antigos galpões de áreas industriais em moradias sem alterar suas características originais.


O resultado foram imóveis com ausência de paredes, ambientes integrados, que aproveitam diversos materiais e objetos originais do espaço combinados a elementos despojados.


Entre os elementos originais que buscamos valorizar, estão as tubulações. Em diversos projetos trabalhamos com tubulações elétricas e hidráulicas aparentes, que além da sua funcionalidade, também ornamentam os ambientes.


As instalações à vista trazem um ar despretensioso e moderno ao projeto, mas devem ser planejadas desde o início. “Os trajetos das tubulações, protagonistas no resultado final, têm de formar desenhos harmônicos e serem distribuídos de maneira prática para o uso diário”, afirma a arquiteta Veronica Molina, do Estúdio Penha.


As tubulações aparentes que mostramos nas fotos foram feitas durante a obra. Optamos por deixá-las aparentes às vezes por questões técnicas, pois não foi possível embutir na parede, e outras por questão estética. Mas sempre buscamos trabalhar esses detalhes de forma harmoniosa com o projeto.


Abaixo você confere fotos do Bar Litt, apartamentos Higienópolis, Fradique e Santa Cecília, e Casas Pinheiros e Azevedo, nos quais trabalhamos com tubulações aparentes.